Extermínio da juventude negra no Maranhão

A criação da CPI da Morte e Desaparecimento de Jovens Negros, na Câmara dos Deputados, colocou mais uma vez em evidência uma questão premente para os movimentos sociais e de direitos humanos no país: o genocídio e extermínio de jovens negros e pobres, moradores das periferias das grandes cidades brasileiras.

Tal situação, gravíssima, tem gerado um sem número de denúncias, além de ampla mobilização social em defesa da vida, como o lançamento da campanha “Jovem Negro Vivo” (Anistia Internacional), a realização das Marchas da Periferia (em São Luís e outras cidades), a articulação da Rede Maranhense de Justiça Juvenil e Fórum DCA, e, mais recentemente, a campanha de enfrentamento e combate da violência e extermínio da juventude negra (SEEJUV-MA).

Leia nota técnica da Sociedade Maranhense de Direitos Humanos (SMDH) sobre o tema.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s